quinta-feira, 6 de agosto de 2009

palavras sábias

O coração não tem sexo.
Tão apaziguador. Precisava de ouvir isto, para desviar ainda mais a minha atenção dos pormenores - mesmo que vindo de um doutor um bocado jarreta, demasiado perto da reforma e algo descontente com o seu insuficiente periodo de férias.
Cada vez mais concentrada na importância do perfeito tic-tac visceral desta criaturinha!

Faltava isto e o chapéu de palha.
Já está!

2 comentários:

Mukkinha disse...

Não sou doutora, nem jarreta... embora esteja descontente com o facto de ser a única portuguesa que não está de férias... adiante... não precisas de ir ao médico para saber o sexo da criatura pá!!!

Preocupa-te lá com o tique-taque que o resto, já todos sabemos. É uma menina... uma menina Marina, aceita isso!!! ok????

FavaRica disse...

Tu, eu e... a menina! Estamos as 'três' a trabalhar. Mas compreendo a sensação de pensares que és a única... Oh, se compreendo!
E já me conformei :-)
Os nomes estão decididos para as duas frentes, por isso, venha ela/e!